Amazon Go, sem dúvida, foi o assunto do final do ano para o Varejo, concorda? O vídeo viralizou e muitos artigos começaram a pipocar sobre o futuro das lojas, experiência de compra, empregos etc.  Finalmente todas aquelas tendências que já ouvimos falar há tempo, colocadas em prática no varejo.  UAU!

E a promessa?  Sem precisar passar pelo caixa e ficar em filas?  UAU!

Quanta conveniência, certo?  Mas, será que esse é realmente o futuro das lojas?  Só o tempo vai dizer.  Uma coisa é certa, com essa experiência a AMAZON vai testar novas tecnologias que depois de validadas, serão vendidas como soluções para varejistas do mundo todo.  Outro ponto importante é que quando a AMAZON tiver suas soluções sendo usadas pelo varejo, ela vai ter uma enorme quantidade de informações sobre os consumidores e seus hábitos de compra, o que vai fortalecer ainda mais a empresa.

O movimento da AMAZON é bacana até por provocar o varejo a continuar evoluindo para melhorar a experiência de compra dos Clientes.  Se você não viu o vídeo da Amazon Go, ele está logo abaixo.

Quando falo em evolução na experiência de compras do Cliente, nem sempre a solução tem a ver com tecnologia.  Já escrevi sobre isso, hoje temos muito Tech para pouco Touch.  Ou seja, há um certo exagero que está levando a tecnologia como fim e não como meio para melhorar a vida das pessoas, seja no comércio ou em outros aspectos da vida.

Às vezes a solução é voltar ao básico ou, fazer o básico bem feito, mesmo que seja “analógico”.  E é mais ou menos isso que a rede de supermercados francesa MONOPRIX fez ao parodiar o vídeo da Amazon Go.

No seu vídeo, a rede francesa se concentra na mesma promessa da Amazon, porém vai um pouco adiante.  Sem caixas, sem filas e sem aplicativos também.  Basta pegar o que quiser e deixar no check-out que o supermercado deixa na sua casa sem cobrar nada por isso.  No vídeo a marca deixa claro que já faz isso há um tempinho.  Atendimento com conveniência, feito por Gente que gosta de Gente.

A marca francesa chama isso de Tecnologia humana.  Afinal, é possível ter uma experiência bacana sem, necessariamente, ter tecnologia envolvida.  E se houver, ela deverá ser um meio fluido de ajudar a melhorar a experiência de compra.

Olha o vídeo do MONOPRIX e me diz o que acha?

Isso não quer dizer que a MONOPRIX não use tecnologia, pois isso é quase impossível. No vídeo abaixo, por exemplo, a marca divulga o seu serviço de “click and Go” (compra na internet e pega na loja).

Resumindo:  Para mim o futuro do varejo é incerto, mas vai passar pela mistura equilibrada entre Tech e Touch.

Forte abraço

F R E D A L E C R I M